Uma semana de natureza, cultura e muito pedal no Vale Europeu

Companheirismo, cultura alemã e italiana, comida farta, cachoeiras. Nossa viagem ao Vale Europeu, que neste ano percorreu o circuito completo, teve uma infinidade de paisagens e acontecimentos.

O grupo, que pela primeira vez em nossa história teve apenas homens, estava divertidíssimo. Tivemos a companhia dos “garotos” Roberto, Hugo, Nikola e Gaeta, do grupo Pedal da Praia de São Paulo, além dos amigos multinacionais Germán, Alcyr, Fabrício e José. Todos com um ótimo ritmo de pedalada, o que adiantou o horário de chegada em todos os dias. Isso que a média de idade foi de 57 anos!

Durante o trajeto, o sol se alternou com tempo perfeitamente nublado na maior parte do tempo, e só pegamos chuva mesmo no dia entre a cachoeira do Zinco e Dr. Pedrinho, que transformou os que pedalaram em meninos empolgados.

As culturas alemã e italiana foram muito bem representadas na hospedagem e gastronomia: em Pomerode, a Pousada Mundo Antigo em estilo enxaimel combinou com o jantar típico alemão da Cervejaria Schornstein, com direito até a Eisbein (Joelho de porco), além é claro dos diversos tipos de chopp tirados na hora. Rodeio, cidade de colonização italiana, nos recepcionou com o jantar (e histórias) do Restaurante Caminetto, regado a vinho da Vinícola San Michelle, que fica bem no nosso caminho.

Abaixo, alguns dos melhores momentos da pedalada. Aos viajantes e condutores, nosso especial agradecimento por fazerem desta uma viagem tão tranquila e divertida! Se tiverem fotos na internet, compartilhem os links nos comentários!

Esta entrada foi publicada em relato de viagem e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a Uma semana de natureza, cultura e muito pedal no Vale Europeu

  1. Ana Lucia Luz disse:

    Estou interessada em levar um grupo para fazer o Circuito Vale Europeu de bicicleta no periodo de final de maio. Vi nas fotos publicadas acima que os ciclistas não estão carregando bagagem. Esses ciclistas que vou levar também não gostariam de ter que transportar a bagagem na bike. Gostaria de saber se existe uma forma de embarcar as bagagens de um hotel ao outro.
    No auardo de uma resposta,
    atenciosamente.
    Ana Lucia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *